Escrever Bem

   
Pautas INCorporativa
  SetaSALA DE IMPRENSA FB
 
 
Release
Bookmark and Share      

13/03/2018 - 22:30 - M. Clair Comunicação Integrada
Feminismo x Feminilidade
Feminismo x Feminilidade - M. CLAIR COMUNICAÇÃO INTEGRADA

O que é ser mulher? Entre tantas conclusões que podemos chegar acerca do que é ser mulher, vemos que saímos de uma polaridade a outra. Toda a revolução feminina a cobrança de igualdade de gêneros nos fez trafegar nos opostos das questões relacionadas ...

Siga as #pautas no Facebook e Twitter         www.pautas.incorporativa.com.br
O que é ser mulher? Entre tantas conclusões que podemos chegar acerca do que é ser mulher, vemos que saímos de uma polaridade a outra. Toda a revolução feminina a cobrança de igualdade de gêneros nos fez trafegar nos opostos das questões relacionadas à independência, autossuficiência e justiça entre gêneros. E qual seria o caminho para conquistar o equilíbrio feminino? Como ser independente sem deixar de ser mulher?
Há pouco tempo fiz alguns trabalhos de treinamento e orientação focados em como evitar assédio. Me senti feliz por ajudar outras mulheres e ao mesmo tempo refleti sobre como minhas dicas seriam interpretadas. Percebi que por medo de sofrer algum tipo de abuso somos muitas vezes extremistas e até afastamos os homens. Conversando com algumas mulheres vi que muitas têm dificuldade de discernir entre o que é abuso e o que cuidado, paquera ou galanteio. É importante estarmos atentas para impor nossos limites, entretanto isso não significa que devemos anular a possibilidade de despertar o interesse de outras pessoas. Isso quer dizer não generalizar, não deixar que o abuso de um proíba a gentileza do outro.
A necessidade de igualdade de classes nos faz muitas vezes ser muito duras. Esquecemos da nossa delicadeza, do instinto feminino e da nossa feminilidade.
As decepções que todas nós, mulheres, temos em alguma fase da vida, nos faz despertar, empoderar e ir de um extremo ao outro. Criamos um orgulho que nos faz mover céus e terras e assim declaramos a independência feminina. Essa honra as vezes nos fortalece tanto que nos faz criar uma capa protetora que proíbe os outros de se aproximarem verdadeiramente, não nos permite deixar ser cuidadas, precisar do outro ou até mesmo falhar.
Existe uma linha muito tênue entre se proteger e se permitir ser amada e é preciso ter cuidado para não esquecer de deixar fluir a nossa essência de mulher.
Além disso, muitas vezes a felicidade da mulher vem carrega de culpa. Criamos uma ideia de que uma mulher de verdade é aquela que é uma boa mãe e esposa exemplar, que tem a missão de cuidar dos outros e esquece de se cuidar, como se a prioridade para si mesmo fosse motivo de culpa, e esquecemos nossas necessidade de atenção e de cuidados.
O equilíbrio entre a independência feminina e a feminilidade é uma busca constante que pode parecer muito difícil, no entanto é muito simples. Basta estar sempre atenta para distinguir entre igualdade de direitos e se deixar ser mulher. É ser forte sem deixar de ser delicada. Pense nisso. Permita-se! Permita-se ser cuidada, pedir ajuda, ser frágil, feminina, amada. Permita-se ser mulher.
Data de inclusão: 13/03/2018
Fone: (11) 36245170
Contato: Thiago Oliveira
Empresa: M. Clair Comunicação Integrada
Entrar em contato: Entrar em contato
Grupo editorial: [Comportamento][Feminino-Masculino]
Este Release foi visto 190 vezes

Assessoria de Imprensa
LOGIN -  Inserir Release
Cadastrar Assessoria
Receber Clipping

 

saibamais

 

Clipping para Editores
Cadastrar Midia
Alterar cadastro de Midia
 
 
 
 
 
 
 
 
  editora  

INCorporativa Comunicação

Publique seu livro - Saiba mais
   
       
       
       
 
       
 
Institucional
Quem Somos
Política Privacidade
Como funciona
 
Nas Redes Sociais  
Facebook Twitter
Linkedin ME Adiciona
 
Todo o conteúdo divulgado decorre de informações advindas das fontes mencionadas, sendo, portanto, de responsabilidade exclusiva da fonte ou do autor, não cabendo à INC Comunicação, à Revista ou Pautas INCorporativa responsabilidade por citações, teor, exatidão ou veracidade do conteúdo, produto ou serviço divulgado. Indicação de publicações são apenas para divulgação, não sendo avaliados por este veículo de comunicação.